Sorrir nem sempre é estar bem

00:22

Foto por: @_leeandrade 

Como dizia Maria Clara, Não me leve a mal, mas sou a versão masculina do homem cafajeste(...)Não sou uma vadia sem escrúpulos, mas não estou afim de me prender a ninguém. 
Cansei de imaginar o príncipe encantado das historias que me faziam sonhar e me sentir uma princesa, aliás esses principies nem existem. Deveria ter um historia além da historia, alguém por um acaso sabe o que aconteceu com as princesas depois do casamento?  Será mesmo que eles foram felizes para sempre? puf acho que não, alias já não sou mais fan do príncipe encantado, sou do tipo de garota que prefere o lobo mal, aquele que fala para  chapeuzinho que vai come-la, e você mera criança inocente não entendeu em qual sentido.
Ao inves de ler aqueles romances de deixar você iludida, prefiro os livros quentes de molhar a calcinha. Esses sim mostram uma realidade que vivemos, onde o moçinho ta louco para comer a moçinha e consequentemente entre os amassos ela se ve dentro de um quarto com ele tambèm. 
Gosto de me sentir livre,fazer o que quero e beijar quem eu quero.Para mim já virou mito aquela historia de que só aquela garota gostosa consegue o que quer, isso não e verdade, sou bem diferente delas e consigo muito bem o que quero e com quem quero. 
Porém essa mulher quem vos fala esta detonada, arrasada, por que? imagine você sentada na sala assistindo um mero filme numa tarde nublada, e de repente passa na sua cabeça milhoes de coisas ao mesmo tempo, amores, familia , problemas , e principalmente sonhos, não é facil, cada qual carrega os problemas que lhe são dados para enfrentar, mas tem horas que ser forte cansa, e você desaba sem ter em que se apoiar. Então a solução é você simplesmente parar para pensar e aceitar tudo isso, aprender a ser forte novamente e viver cada dia com aquele sorriso que sempre leva no rosto, dividir aquela energia positiva que consegue carregar com as pessoas a sua volta.

You Might Also Like

0 comentários

obrigada por seu comentário, e seja bem vindo ao blog
"Os centímetros a menos"